ÚLTIMAS NOTÍCIAS DESSE DOMINGO 29/04/2019

texto

STJ derruba decisão do TRF-1 e dá cala boca em presidente que atacou Moro

O advogado Kakay omitiu dados na petição endereçada ao TRF-1

Ney Belo, Presidente do TRF-1

Raul Schimidt Júnior é tido como o operador do PMDB. Está preso em Portugal e sua extradição foi requerida pelo juiz Sérgio Moro.

Desde então, a defesa desse lobista, patrocinada pelo advogado Kakay, tenta impedir a extradição.

Nesse sentido, teve sua pretensão indeferida pelo próprio juiz Sérgio Moro e recursos negados pelo TRF-4 e STJ, em decisão monocrática do ministro Humberto Martins.

Paralelamente, num repugnante e ilegal malabarismo jurídico, Kakay entrou com o mesmo recurso junto ao TRF-1, onde logrou obter liminar que derrubava a extradição.

O juiz Sérgio Moro, que não está subordinado ao TRF-1, ignorou a liminar ‘fantasma’ e determinou o prosseguimento dos trâmites de extradição.

Neste sábado (28), o presidente do TRF-1, desembargador Ney Belo emitiu uma nota criticando a decisão de Moro, dizendo que o juiz da Lava Jato ‘atenta contra o Judiciário’.

Algumas horas depois a divulgação da nota, o STJ deu um notório ‘cala boca’ no presidente do TRF-1. O ministro Sérgio Kukina derrubou a liminar ‘fantasma’ concedida pelo tribunal.

Moro, mais uma vez, estava repleto de razão.

Ney Bello, caso analisasse o caso com mais denodo, não teria passado por esta vergonha.

Fonte: Jornal da Cidade On Line

 

DOMINGO, 29/04/2018, 08:58

País

Polícia trata ataque a apoiadores do ex-presidente Lula como tentativa de homicídio

Imagens registradas por câmeras de segurança mostram suspeito agindo sozinho antes de fugir. Duas pessoas foram atingidas. Jeferson Lima, de 39 anos, foi baleado no pescoço por um dos tiros e segue internado no Hospital do Trabalhador, em Curitiba, em estado grave. A Divisão de Homicídios do Paraná pede para quem tem informações sobre o caso que ligue para o número 0800-643-11-21.

Vídeo mostra a ação do homem que atirou contra acampamento pró-Lula, em Curitiba. Foto: divulgação/Polícia Civil (Crédito: )

Fonte: CBN

 

Deixe uma resposta

Fechar Menu