PRIMEIRAS NOTÍCIAS DESTE SÁBADO

texto

Por G1

 

Sonhos interrompidos. Enquanto o Rio ainda se recuperava dos estragos de um temporal com 6 mortos, um incêndio mata 10 jovens no Centro de Treinamento do Flamengo. Todos jogadores da base, com idades entre 14 e 16 anos. Eles dormiam no alojamento do clube, e um curto no ar-condicionado pode ser a causa do fogo. Conheça as histórias das vítimas, veja os relatos dos sobreviventes e a repercussão de mais essa tragédia:

NACIONAIS

Quem são os 10 garotos mortos no incêndio do CT do Flamengo — Foto: Arte/G1

Quem são os 10 garotos mortos no incêndio do CT do Flamengo — Foto: Arte/G1

Incêndio no CT do Flamengo

Dez jogadores da base do Flamengo morreram e três estão internados após incêndio atingir o alojamento no Centro de Treinamento do clube, conhecido como Ninho do Urubu. O fogo começou às 5h17 em um dos contêineres adaptados como dormitórios. Imagens postadas por atletas em redes sociais mostram como era o alojamento por dentro (veja no vídeo abaixo).

Embedded video

Weverton Sousa@wevert9n

Vejam como era nossa alegria no alojamento 😭😭❤️

Samuel, um dos atletas do Flamengo que sobreviveram, disse que havia muito fogo no local onde as vítimas estavam, o que impediu que os jovens se salvassem.

Samuel Barbosa, um dos sobreviventes, relata início do incêndio no CT do Flamengo — Foto: Reprodução/TV Globo

Samuel Barbosa, um dos sobreviventes, relata início do incêndio no CT do Flamengo — Foto: Reprodução/TV Globo

“A maioria não conseguiu porque a quantidade de fogo era muita. E aconteceu que o ar condicionado pegou fogo, daí foi gerando um curto-circuito em todos os ares-condicionados. Foi pegando em tudo. E foi muito rápido. Não deu pra conseguir chamar quase ninguém”, contou Samuel.

Peritos dizem que foi identificado um curto-circuito no ar-condicionadodo alojamento, mas ainda não há uma avaliação final das causas da tragédia.

Vídeo mostra sobrevivente tentando apagar fogo no incêndio do Ninho do Urubu

Vídeo mostra sobrevivente tentando apagar fogo no incêndio do Ninho do Urubu

Imagens do circuito interno das câmeras do Ninho do Urubu mostram atletas fugindo durante o incêndio. No vídeo, os adolescentes saem de uma porta enquanto já era possível ver fumaça.

Instalação destruída pelo fogo no Centro de Treinamento do Flamengo, no Rio — Foto: Ricardo Moraes/Reuters

Instalação destruída pelo fogo no Centro de Treinamento do Flamengo, no Rio — Foto: Ricardo Moraes/Reuters

Os rostos da tragédia

26 jogadores estavam no alojamento no momento do incêndio, 13 conseguiram escapar e outros três estão em hospitais com ferimentos: Cauan EmanuelFrancisco Dyogo e Jonatha Cruz.

Os nomes dos 10 jogadores mortos foram confirmados ao longo do dia: Arthur ViniciusAthila PaixãoBernardo PisettaChristian EsmérioGedson Santos, Jorge EduardoPablo HenriqueRykelmo de Souza VianaSamuel Thomas e Vitor Isaías.

Parentes e amigos falam do talento e do sonho dos jovens atletas do Flamengo mortos

Parentes e amigos falam do talento e do sonho dos jovens atletas do Flamengo mortos

Parentes e amigos falam do talento e do sonho dos jovens atletas do Flamengo mortos. As pessoas que acompanhavam a trajetória dos jovens atletas cheios de sonhos e talento lamentaram a tragédia. Assista acima.

Presidente do Flamengo, Rodolfo Landim leva as mãos à cabeça no Ninho do Urubu — Foto: André Durão/GloboEsporte.com

Presidente do Flamengo, Rodolfo Landim leva as mãos à cabeça no Ninho do Urubu — Foto: André Durão/GloboEsporte.com

Repercussão

Pelé se solidariza com tragédia no CT do Flamengo

Pelé se solidariza com tragédia no CT do Flamengo

Autoridades, atletas e artistas usaram suas redes sociais para lamentar o incêndio. Pelé, Neymar, Zico e Bolsonaro se manifestaram sobre a tragédia. Leia a repercussão.

Chuva no Rio

Mãe e filho que morreram soterrados em dos deslizamentos durante o temporal de quarta-feira, no Rioforam enterrados hoje. Isabel da Paz, de 56 anos, e de Mauro da Paz, de 33 anos, foram velados em duas capelas, uma ao lado da outra.

A atriz Roberta Rodrigues, moradora do Vidigal, uma das áreas mais atingidas, postou um vídeo hoje pedindo ajuda de autoridades e fazendo um alerta para o risco de uma nova tragédia. Deslizamento de terra na comunidade causou duas mortes, ao atingir um ônibus na Avenida Niemeyer, após temporal. Ela diz que há risco de uma pedra rolar do alto do morro e atingir casas da comunidade.

Brumadinho

Brumadinho: Sobreviventes relatam como escaparam da tragédia

Brumadinho: Sobreviventes relatam como escaparam da tragédia

Por meio do depoimento de 12 pessoas, o G1 reconta momentos de pânico, correria, iminência da morte e milagre vividos por sobreviventes que estavam no caminho percorrido e devastado pelo “mar de rejeito”. Veja no vídeo acima.

O número de vítimas identificadas da tragédia de Brumadinho subiu de 134 para 151. Até agora, 157 mortes foram confirmadas e 165 pessoas seguem desaparecidas. Duas pessoas continuam hospitalizadas e 138 estão desabrigadas.

Também foi notícia:

Bolsonaro posta foto com gelatina na mão — Foto: Divulgação/Twitter Oficial Jair Bolsonaro

Bolsonaro posta foto com gelatina na mão — Foto: Divulgação/Twitter Oficial Jair Bolsonaro

 

Vale é intimada a fazer depósito judicial de R$ 7,4 bilhões

A Vale informa que foi intimada a realizar um depósito judicial de R$ 7.413.790.458,03 em cumprimento das duas ordens de bloqueio de recursos no valor de R$ 10 bilhões, determinadas nas decisões liminares proferidas em requerimentos de tutela antecipada formulados pelo Ministério Público do Estado de Minas Gerais.

Em comunicado enviado à Comissão de Valores Mobiliários (CVM), a empresa destaca que não houve, portanto, aumento dos montantes totais de ordens liminares de bloqueio ou de indisponibilidade de recursos.

Estadão Conteúdo

Comments

Incêndio é maior tragédia da história do Flamengo, diz presidente

Foto: Tomaz Silva/Agência Brasil

“Certamente essa é a maior tragédia pela qual o clube já passou nos 123 anos de sua existência, com a perda dessas pessoas”, resumiu o presidente do Flamengo, Rodolfo Landin, no início da tarde de hoje (8), sobre o incêndio que destruiu o alojamento do Centro de Treinamento George Helal, o Ninho do Urubu.

No prédio dormiam os atletas da categoria sub-15. Dez atletas morreram e outros três ficaram feridos, um em estado grave com 35% do corpo queimado.

O governo do estado e a prefeitura do Rio de Janeiro decretaram três dias de luto oficial. E a rodada do Campeonato Carioca foi transferida para o meio da semana que vem. O clássico Flamengo e Fluminense será na quinta-feira (13), às 20h, e Vasco e Resende, na quarta-feira (14), às 21h30.

Agência Brasil

Comments

Maia: mudança em Previdência de militar vai tramitar junto com reforma

Foto: J.Batista/Câmara dos Deputados

O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), disse hoje (8), na capital paulista, que as mudanças nas regras previdenciárias dos militares irão tramitar junto com a reforma do sistema previdenciário geral. “É um numa semana, outro na outra ou na mesma semana”, declarou após participar de reunião com o governador João Doria, mas sem dar detalhes sobre a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) em relação ao regime geral.

Maia reafirmou ainda a intenção de concluir a votação da reforma até junho deste ano. “Se o governo avançar com uma base sólida no Congresso, como foi no governo passado, chega em plenário na segunda semana de maio”, estimou.

O deputado disse que dará continuidade na próxima semana a agendas com governadores para dialogar sobre as mudanças na Previdência. Ele destacou que já conversou com Camilo Santana (CE) ontem (7) e que pretende visitar os governadores Wellington Dias (MA), Paulo Câmara (PE), Rui Costa (BA), Mauro Mendes (MT), Ronaldo Caiado (GO) e Reinaldo Azambuja (MS). “Para que a gente possa ter uma opinião de todos os campos”, disse, listando governadores do PT, PCdoB, PSDB, PSB e DEM.

O presidente da Câmara apontou que os vazamentos de partes da provável proposta a ser enviada pelo governo podem “contaminar” a discussão. “Às vezes se cria uma comunicação errada sobre temas que podem não existir e podem contaminar a votação da matéria, como aconteceu muitas vezes no processo de votação da Previdência do governo Michel Temer”, avaliou.

Maia reafirmou que o Projeto de Lei Anticrime, apresentado pelo ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro, tramitará paralelamente à reforma da Previdência, mas as mudanças na aposentadoria devem ir a plenário antes. “Não tira do outro a possibilidade do debate, da tramitação, um vem por projeto e outro por emenda constitucional. Mas são projetos importantes que espero que a Câmara tenha discutido os dois e aprovado a Previdência até junho e depois a possibilidade de avançar com outro projeto no plenário, já tendo terminado com debate nas comissões temáticas”, declarou.

Agência Brasil

Comments

Governo quer que presidentes de empresas sejam corresponsáveis por barragens de hidrelétricas

Na esteira da tragédia em Brumadinho (MG), o governo federal quer que presidentes das empresas compartilhem com técnicos a responsabilidade em documentos que tratam da regulação e segurança de barragens hidrelétricas.

A informação foi divulgada pelo porta-voz da Presidência, general Otávio Rêgo Barros, em São Paulo.

Segundo ele, a medida é da Aneel (Agência Nacional de Energia Elétrica) e está na lista de medidas do comitê criado pelo governo federal para tratar dos desdobramentos de Brumadinho, onde uma barragem de rejeitos de mineração estourou deixando centenas de mortos e desaparecidos.

Rêgo Barros disse que foi solicitada a atualização dos Planos de Segurança de Barragens e do Plano de Ação Emergencial de todos os empreendimentos hidrelétricos para inclusão da necessidade de assinatura de presidentes das empresas.

“O objetivo da ação é reforçar o comprometimento com as informações apresentadas”, disse.

O caso ocorre depois de questionamentos sobre os responsáveis por fiscalizar a barragem de Brumadinho. Após o rompimento, engenheiros responsáveis chegaram a ser presos.

Ainda sobre Brumadinho, o porta-voz informou que Bolsonaro vai assinar nesta sexta-feira (8) um decreto para liberação do INSS e de BPC (Benefício de Prestação Continuada de Assistência Social à Pessoa com Deficiência) para vítimas do desastre da cidade mineira.

Ele não soube informar os valores da medida, que já havia sido anunciada pelo governo federal.

Folhapress

Comments

Brasil é um dos países mais caros do mundo para comprar aparelhos eletrônicos

Não é surpresa que os preços dos produtos da Apple chegam muito mais altos no Brasil do que custam originalmente em dólares. Um relatório do banco BTG Pactual, publicado no mês passado, analisa 20 países do mundo e confirma os valores excessivos dos produtos importados para o país.

Segundo a análise, o Brasil está entre os países mais caros do mundo para comprar produtos da Apple. Um iPhone XS de 64GB, por exemplo, custa 74% a mais no Brasil do que nos EUA. Já para comprar um iPad de 32GB, o consumidor brasileiro desembolsa 140% a mais do que o valor do produto em dólares.

Outro exemplo que mostra essa discrepância é a quarta edição do Índice Zara. O estudo compara preços de uma cesta de 12 itens vendidos pela rede varejista espanhola nos EUA com outras 44 nações onde a marca atua. De acordo com o relatório, o Brasil é o país mais caro do mundo para comprar os produtos da empresa: brasileiros chegam a pagar 18% a mais do que nos EUA pela cesta com 12 peças.

Os desafios para os mercados estrangeiros no Brasil incluem altas taxas de importação, complexidades e burocracia, bem como processos logísticos complicados. De acordo com a pesquisa da Zara, isso significa que empreendedores com fabricação local terão vantagem nos próximos anos.

Olhar Digital

Comments

Possível lavagem de Flávio Bolsonaro também será investigada na esfera criminal

Uma nova investigação sobre o senador Flávio Bolsonaro (PSL-RJ) foi aberta, desta vez no Núcleo de Combate à Corrupção do Ministério Público Federal (MPF). Neste procedimento, o órgão vai analisar a evolução patrimonial do senador. A investigação foi aberta depois de um advogado ter enviado uma denúncia contra o parlamentar.

O denunciante anexou ao MPF reportagens que analisavam as transações imobiliárias do então deputado estadual do Rio. O procedimento foi revelado pela Rede Globo na noite da quinta-feira, 7.

A procuradora da República Maria Helena de Paula, então coordenadora criminal, determinou que o caso fosse analisado pelo Núcleo Criminal de Combate à Corrupção. A assessoria do senador Flávio Bolsonaro afirmou, em nota, que ele ” é vítima de perseguição política e que ele repudia a tentativa de imputar irregularidades e crimes onde não há”.

Esta é a segunda investigação contra o senador na Procuradoria Regional no Rio de Janeiro abordando os imóveis do parlamentar. A primeira foi aberta pela Procuradoria Regional Eleitoral (PRE), para analisar se houve crime eleitoral nas declarações de bens apresentadas pelo senador à Justiça Eleitoral.

O caso tramitava desde março de 2018 na Procuradoria Regional Eleitoral do Rio de Janeiro (PRE-RJ) e apurava possível crime eleitoral praticado por Flávio Bolsonaro ao declarar imóveis comprados por meio de “negociações relâmpago” ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) com valores supostamente abaixo do real No inquérito, há ainda a citação de que as negociações teriam resultado em aumento do patrimônio do atual senador. Há no inquérito citação a possível lavagem de dinheiro.

Ao jornal O Estado de S. Paulo, investigadores que cuidam do caso disseram que, previamente, não vislumbraram ilicitude nessa questão. Segundo o entendimento dessas fontes, não seria crime eleitoral declarar ao Tribunal Regional Eleitoral imóveis com valores incompatíveis com os avaliados pelo mercado. Também não seria irregular, do ponto de vista eleitoral, informar à Justiça Eleitoral uma quantidade de imóveis abaixo dos que verdadeiramente o candidato tem. O argumento é que a jurisprudência sobre casos parecidos com o de Flávio estabeleceu que essas informações podem ser prestadas pelo candidato de forma apenas superficial e protocolar.

A Procuradoria recebeu, ainda durante a campanha, a denúncia por suposta falsificação de documento público de Flávio para fins eleitorais. Depois que Flávio Bolsonaro, que era deputado estadual, foi eleito senador, a Procuradoria Regional Eleitoral consultou a Procuradoria Geral de Justiça. O objetivo era saber se o caso deveria ir para Brasília, por causa de suposto direito do senador a foro privilegiado, mas o órgão entendeu que não era o caso.

Estadão Conteúdo

CommentsComments

Papo de Fogão deste sábado recebe o chef Jonas Gabarra e o jornalista Emanuel Neri

O Papo de Fogão de verão deste sábado será em São Miguel do Gostoso com o jornalista Emanuel Neri e o Chef Jonas Gabarra do restaurante Balica, da Pousada dos Ponteiros, que vai preparar o peixe Balica, uma mistura de sabores que vocês vão adorar.

E na Dica Rápida a Chef Andreza Bouzas, do restaurante Luz tranquila vai preparar um drink especial pro verão o Jamaica Brasileira.

Serviço

Se ligue na TV Ponta Negra. Sábado, 9h da manhã. Não perca!

Comments

‘Receita não pode ser convertida numa Gestapo’, afirma Gilmar sobre investigação da Receita

Foto : Carlos Moura/SCO/STF 

O ministro Gilmar Mendes, do Supremo Tribunal Federal (STF), disse nesta sexta-feira, 8, ao Estadão/Broadcast que a Receita Federal não pode ser convertida numa Gestapo, em referência à polícia do regime nazista que investigava e torturava opositores ao regime de Adolf Hitler. O ministro vê quebra de sigilo e uso político do órgão na apuração sobre possível lavagem de dinheiro e ocultação de patrimônio – e estuda processar os auditores fiscais responsáveis pela investigação.

“A Receita não pode ser convertida numa Gestapo ou num organismo de pistolagem de juízes e promotores”, disse Gilmar à reportagem “Agora, se eles fazem isso com ministro do STF, o que não estarão fazendo com o cidadão comum?”, completou.

Procurada, a Receita Federal disse que não comentaria as declarações do ministro.

O presidente do STF, ministro Dias Toffoli, pediu ao ministro da Economia, Paulo Guedes, à procuradora-geral da República, Raquel Dodge, e ao secretário da Receita Federal, Marcos Cintra, que adotem “providências cabíveis” em torno de uma apuração de auditores fiscais da Receita Federal sobre possíveis fraudes de corrupção, lavagem de dinheiro, ocultação de patrimônio ou tráfico de influência por parte de Gilmar Mendes e familiares.

O pedido de providências atende a pedido do próprio Gilmar Mendes, para quem não há nenhum fato concreto nos documentos obtidos pela coluna Radar, da Revista Veja.

Estadão Conteúdo

Comments

POLÊMICA: ‘Era para estar milionária se eu não fosse uma mulher negra’, diz atriz global

A atriz Cris Vianna afirmou que o preconceito racial no Brasil tem impacto na sua carreira em entrevista à TV Vogue nesta sexta-feira, 8.

Cris, que recentemente deu vida à personagem Cairu em O Tempo Não Para, ressaltou já ter atuado em 12 novelas em sua carreira. O apresentador Matheus Mazzafera, então, afirmou que esperava que a atriz tivesse ficado “muito rica” com seu trabalho.

“Vou te falar uma coisa bem triste de ouvir: mulher preta não fica rica rápido. Com o currículo que eu tenho, era para eu estar milionária se eu talvez não fosse uma mulher negra”, respondeu Cris.

“Você acha que se fosse loira do olho azul já estaria lá?”, questionou o apresentador. “Não sei se loira, mas branca, com certeza”, concluiu Cris sobre o assunto.

Estadão Conteúdo

Comments

Bolsa volta a subir, e dólar chega a R$ 3,73

O Ibovespa, principal indicador do desempenho das ações negociadas na B3, antiga BM&F Bovespa, encerrou o pregão desta sexta-feira (8) em alta de 0,99%, aos 95.343 pontos. O recorde do índice, de 98.588 pontos, foi registrado na última segunda-feira (4).

Dentre as ações que compõem o Ibovespa, os papéis que mais valorizaram foram Sabesp ON (6,08%), Localiza ON (4,79%) e Vale ON (3,77%).

Os papéis que mais caíram foram Qualicorp ON (2,88%), Ambev ON (2,83%), e Log Com (1,90%). As ações mais negociados foram as da Vale ON (3,77%), ItauUnibanco (2,14%) e Petrobras (0,16%).

O dólar comercial fechou o dia em alta de 0,6%, cotado a R$ 3,73. Já o euro desvalorizou. A queda foi de 0,03%, e a moeda da União Europeia fechou a sexta-feira vendida a R$ 4,21.

Agência Brasil

Comments

Ministro do STJ nega pedido de prisão domiciliar a João de Deus

O ministro do Superior Tribunal de Justiça (STJ) Nefi Cordeiro negou hoje (8) pedido de prisão domiciliar feito pela defesa do médium João de Deus, preso por acusações de violação sexual mediante fraude e de estupro de vulnerável.

No pedido de habeas corpus, a defesa do médium alegou que João de Deus não tem condições de permanecer no presídio por ter 77 anos, sofrer de doença coronariana e vascular, além de ter sido operado recentemente de um câncer no estômago.

A defesa também sustentou que o médium não chegou a sacar aplicações financeiras, mas somente fez um pedido, que não chegou a ser preenchido ou assinado. Este foi um dos motivos usados pelo Ministério Público para justificar a prisão por risco de fuga.

Ao negar o pedido de liberdade, o ministro entendeu que a prisão se justifica porque os valores foram movimentados por uma terceira pessoa ligada ao médium.

Cordeiro também afirmou que há relatos de ameaças a testemunhas para que não denunciassem os abusos. O ministro disse ainda que a Justiça de Goiás, que determinou a prisão de João de Deus, informou que tem como garantir o atendimento médico ao médium.

João de Deus foi preso no 16 de dezembro do ano passado sob a acusação de violação sexual mediante fraude e de estupro de vulnerável, crimes que teriam sido praticados contra centenas de mulheres na instituição em que atendia pessoas em busca de atendimento espiritual, em Abadiânia (GO).

Agência Brasil

Comments

FOTOS: Sobreviventes de incêndio no Ninho do Urubu relatam como se salvaram da tragédia

O incêndio que atingiu o CT do Flamengo na manhã desta sexta-feira deixou 10 vítimas fatais – até o momento, nove nomes já foram confirmados pelo clube -, além de três feridos. Ainda não foi divulgado o número de jovens que estava no local na hora do acidente, mas alguns deles (ou parentes) relataram sobre o ocorrido e contaram como se salvaram da tragédia.

Entre os hospitalizados, Cauan Emanuel Gomes Nunes (14 anos) e Francisco Diogo Bento Alves (15) chegaram ao Hospital Vitória, localizado na Barra da Tijuca, e ficarão em observação no CTI (Centro de Tratamento e Terapia Intensiva) por 24 horas. A previsão é de alta após esse período, ou seja, pela tarde deste sábado. Eles passam bem.

Jonathan Cruz Ventura (15) é quem está em situação mais crítica. Ele teve cerca de 35% do corpo queimado e foi transferido para o Hospital Municipal Pedro II, em Santa Cruz, que é referência no assunto.

Gustavo Maia
14 anos

Por pouco, o amapaense Gustavo Maia não estava no alojamento que pegou fogo na manhã desta sexta-feira. O jogador não recebeu a autorização do pai, Cláudio Lima, para dormir no CT: “Era para ele estar lá, mas eu não deixei”. Guga, como é conhecido o meia, é visto como uma das principais promessas das categorias de base do Flamengo, onde está desde 2018, após ter defendido o Vasco por anos.

Guga Maia não dormiu no alojamento que pegou fogo porque o pai não deixou — Foto: Reprodução Facebook

Pablo Ruan
16 anos

Natural de Londrina (Paraná), Pablo Ruan contou com a ajuda de um amigo para escapar das chamas do incêndio que atingiu o alojamento provisório do Ninho do Urubu nesta sexta-feira. Após ser acordado por um colega de quarto, eles conseguiram se salvar pulando pela janela. O jogador chegou ao clube em setembro de 2018, após ser revelado pela Portuguesa Londrinense.

Edson Moretti ao lado de Pablo Ruan: garoto chegou ao Flamengo em setembro de 2018 — Foto: Arquivo Pessoal

Ryan Matheus
15 anos

Uma discussão entre Ryan Matheus e sua mãe, na última noite, salvou o atleta de presenciar o incêndio. Quando ficou sabendo que não haveria treino nesta sexta-feira, o meia decidiu dormir em casa, contrariando a vontade da mãe, Daniele, que pediu para que ele ficasse no alojamento, visto que já era tarde.

Ryan Matheus — Foto: Divulgação

Samuel Barbosa
16 anos

Foto: Reprodução

O piauiense Samuel Barbosa é outro sobrevivente da tragédia no Ninho do Urubu: o menino acordou com a fumaça e correu, conseguindo escapar do incêndio. Ele ainda acordou outro amigo, que está no hospital (ainda não se sabe qual das três vítimas), antes de fugir. Segundo seu pai, Washington Luiz, “ele não consegue falar, só chora”. Samuel está nas categorias de base do Flamengo há sete anos e há um dormia no alojamento provisório que pegou fogo.

Sobre a tragédia:

Segundo o vice-governador do Rio de Janeiro, Cláudio Castro, os bombeiros foram acionados às 5h14, chegaram ao Ninho do Urubu às 5h38 e apagaram o incêndio em pouco menos de uma hora. A principal linha de investigação indica que a tragédia no CT do Flamengo teve origem em um aparelho de ar-condicionado de um dos quartos do alojamento.

Há 10 mortos e três feridos. Seis dos mortos já foram identificados, todos atletas da base rubro-negra: Christian Esmério, de 15 anos; Arthur Vinícius de Barros Silva Freitas, de 14 anos; Pablo Henrique da Silva Matos, de 14 anos; Bernardo Pisetta, de 15 anos; Vitor Isaias, de 15 anos; e Athila Paixão.

Entre os três feridos, a situação é a seguinte: Jhonatan Cruz Ventura, 15 anos, inspira mais cuidados, uma vez que está com 35% do corpo queimado e passa por cirurgia. Francisco Diogo Bento Alves, 15 anos, está no CTI, mas seu estado é estável. Cauan Emanuel Gomes Nunes, 14 anos, está lúcido e conversando.

Globo Esporte

 

Peritos veem possibilidade de curto-circuito em ar-condicionado de alojamento no CT do Flamengo

Estrutura destruída pelo fogo no CT do Flamengo — Foto: Ricardo Moraes/Reuters

Peritos do Instituto de Criminalística Carlos Éboli, que estão no alojamento do Centro de Treinamento do Flamengo que pegou fogo no fim da madrugada desta sexta-feira (8) dizem que foi identificado um curto-circuito no ar-condicionado, segundo informações do comentarista de segurança do RJ1, Fernando Veloso. Dez jogadores das categorias de base morreram no incêndio.

A perícia ainda está em andamento e não há uma avaliação final das causas da tragédia. Ao todo, 10 pessoas morreram e outros três atletas ficaram feridos, um deles em estado grave.

A Prefeitura do Rio afirmou que o dormitório que pegou fogo no Ninho do Urubu não tem licença municipal. “A área de alojamento atingida pelo incêndio não consta do último projeto aprovado pela área de licenciamento, no dia 5 de abril de 2018, como edificada”, diz em nota. “No projeto protocolado, a área está descrita como um estacionamento”, frisa a prefeitura.

O município informou que a atual licença do CT tem validade até 8 de março deste ano e que “não há registros de novo pedido de licenciamento da área para uso como dormitórios”.

“Por determinação da legislação em vigor, a coordenação de licenciamento informa que só há inspeção neste tipo de edificação em casos de denúncia”, acrescenta. A Prefeitura vai determinar a abertura de um processo de investigação para apurar as responsabilidades.

Resumo

O incêndio no Ninho do Urubu começou às 5h17 em um dos contêineres adaptados como dormitórios. O fogo foi debelado às 6h30;

Três jovens saíram feridos, e um deles está em estado grave, com queimaduras;

Dez pessoas morreram;

Nove dos mortos já foram identificados: são atletas da base do Flamengo;

O presidente Rodolfo Landim disse tratar-se da pior tragédia da história do clube;

O governador Wilson Witzel e o prefeito Marcelo Crivella decretaram luto oficial de três dias.

Samuel, um dos atletas do Flamengo que sobreviveram, disse que havia muito fogo no local onde as vítimas estavam.

“A maioria não conseguiu porque a quantidade de fogo era muita. E aconteceu que o ar condicionado pegou fogo, daí foi gerando um curto-circuito em todos os ares-condicionados. Foi pegando em tudo. E foi muito rápido. Não deu pra conseguir chamar quase ninguém”, contou Samuel.

Sem documentação definitiva

Segundo a assessoria do Corpo de Bombeiros o CT, conhecido como Ninho do Urubu, ainda não possuía documentação definitiva dos bombeiros. De acordo com a assessoria de comunicação da corporação, o local está em processo de regularização de documentos junto ao órgão, o que significa que ainda não possui o Certificado de Aprovação (CA).

O certificado de aprovação atesta a existência e o funcionamento dos dispositivos contra incêndio previstos pela legislação vigente. A documentação não tem relação com o alvará de funcionamento (estabelecimentos comerciais) ou habite-se (imóveis residenciais), documentos que são emitidos pela prefeitura.

Em nota, o Corpo de Bombeiros informou que “a não existência do CA não significa, por si só, que o local não possuía os dispositivos, e sim que não era aprovado pelo Cbmerj”.

A Coordenação de Licenciamento da Prefeitura informou que o local tem licença para funcionar até o dia 8 de março deste ano, mas reforçou que no documento consta que o local onde ocorreu a tragédia seria um estacionamento, que não havia previsão de área edificada e não havia pedidos para construção de dormitórios.

‘Portas não estavam trancadas’, diz perícia

A perícia feita no local após o incêndio indicou que as portas não estavam trancadas no momento do incêndio e que as fechaduras foram encontradas abertas.

Uma força-tarefa foi montada no Instituto Médico Legal (IML) do Rio para a identificação dos corpos, já que todos estão carbonizados.

As chamas atingiram as instalações onde dormiam jogadores entre 14 e 17 anos, a maioria que não residia no Rio. Os bombeiros chegaram a dizer que todos eram adolescentes, mas não há informações oficiais.

Às 9h50, a polícia chegou ao Ninho do Urubu para fazer a perícia. Um inquérito foi instaurado na 42ª DP (Recreio dos Bandeirantes) para apurar as causas do desastre.

G1

Fonte: Blog do BG

Por Acson Freitas, Inter TV Cabugi

 


Homens arrombam banco e incendeiam carro em Macaíba, na Grande Natal — Foto: Polícia Militar/Divulgação

Homens arrombam banco e incendeiam carro em Macaíba, na Grande Natal — Foto: Polícia Militar/Divulgação

A Polícia Civil desarticulou uma quadrilha suspeita de roubar mais de R$ 1 milhão em um assalto a banco em Macaíba, na Grande Natal. A ação aconteceu nesta sexta-feira (8) e foi conduzida pela Divisão Especializada de Combate ao Crime Organizado (Deicor). Na operação, duas pessoas foram presas e nove mandados de prisão foram cumpridos contra homens que já estavam detidos em unidades prisionais. O grupo é suspeito de mais roubos.

De acordo com a polícia, o grupo é suspeito de ter assaltado um banco em Macaíba no mês de julho do ano passado. Na ocasião, os bandidos queimaram carros, jogaram grampos na pista, atiraram na base da Polícia Militar e conseguiram roubam a agência do Banco do Brasil da cidade. Nesse dia, um morador gravou um vídeo mostrando os disparos.

O delegado Erick Gomes, da Deicor, explica que as investigações começaram a partir dos veículos deixados pela quadrilha, incendiados. Depois disso, a polícia encontrou dois suspeitos com R$ 163 mil, dentro de um carro, na Paraíba. A partir daí os investigadores chegaram aos demais: sete estavam na Penitenciária Estadual da PB e outros dois do Presídio Federal de Catanduvas, no Paraná.

A Polícia Civil detalhou que cada integrante do grupo criminoso tinham funções diferentes. Um dia antes do roubo, um adolescente ganhou R$ 5 mil para fazer um levantamento da movimentação de policiais e do posicionamento de câmeras do banco, por exemplo.

Os investigadores da Deicor agora trabalham para encontrar e prender outros dois suspeitos que ainda restam na quadrilha.

Fonte: G1RN

 

Por G1 RN

 


TJ homologa acordo para garantir 9.500 exames de colonoscopia e endoscopia na rede pública de Natal — Foto: divulgação

TJ homologa acordo para garantir 9.500 exames de colonoscopia e endoscopia na rede pública de Natal — Foto: divulgação

O juízo da 6ª Vara da Fazenda Pública de Natal homologou, nesta quinta-feira (7), acordo celebrado entre a Defensoria Pública e a prefeitura da capital para regularizar e garantir a realização de exames de colonoscopia e endoscopia para pacientes da rede pública de Saúde. O acordo vai viabilizar a realização de cerca de 9.500 exames.

A Defensoria Pública propôs a Ação Civil Pública, em fevereiro de 2018, requerendo que fosse garantido, de maneira regular e ininterrupta, aos usuários dos Sistema Único de Saúde (SUS) os exames de Endoscopia e Colonoscopia, pelo Município do Natal.

A proposta era de que os exames fossem viabilizados através da estruturação dos hospitais da rede pública ou da contratação de prestadores na rede suplementar de saúde, com pretensão, para que fosse revogada Nota Técnica publicada pelo Município que negava autorização de exame de colonoscopia aos usuários que estavam na lista de regulação há mais de seis meses da publicação do ato.

A Defensoria Pública argumentou que a fila de espera da central de regulação de procedimentos para colonoscopia era de 3.523 pacientes e, para endoscopia, de 6.620 pacientes.

A Defensoria afirmou ainda que é “evidente a necessidade de aumento da oferta do número de procedimentos mensais para atendimento satisfatório da população, suprindo a demanda reprimida, de forma que se cumpra o direito de acesso universal e igualitário às ações e aos serviços para promoção, proteção e recuperação da saúde, constitucionalmente assegurado”.

Acordo

Na transação homologada pela 6ª Vara da Fazenda Pública de Natal, ficou acordado que 400 exames de colonoscopia e endoscopia serão realizados mensalmente pela empresa interessada na prestação do serviço, permitindo-se a contratação de outras nos mesmos moldes.

Além disso, sobre a estruturação da rede pública, a Defensoria Pública propôs a realização de chamada pública para habilitação de interessados. E ainda a adequação, no prazo de oito meses, do Centro de Imagens para realização dos exames na rede pública, com a aquisição de todos os equipamentos e materiais necessários para o referido serviço.

Caso necessário, o Município deve efetuar a nomeação de candidatos aprovados no concurso público da Secretaria Municipal de Saúde para fins de composição do quadro de pessoal e realização do serviço.

Fonte: G1RN

Por GloboEsporte.com — Natal

 


Tallisom Cauã morou no alojamento do Ninho do Urubu por oito meses em 2018 e conhecia vítimas da tragédia — Foto: Reprodução

Tallisom Cauã morou no alojamento do Ninho do Urubu por oito meses em 2018 e conhecia vítimas da tragédia — Foto: Reprodução

O atacante potiguar Tallisom Cauã atuou nas categorias de base do Flamengo durante a temporada 2018 e conhecia todas as vítimas da tragédia ocorrida na madrugada desta sexta-feira, no Ninho do Urubu, no Rio de Janeiro. O jogador de 15 anos está muito abalado com a morte dos ex-companheiros de clube e lembrou que “poderia estar lá”.

Revelado pelo Santa Cruz de Natal, Tallisom morou por oito meses no alojamento do centro de treinamento do Flamengo, onde aconteceu o incêndio que matou 10 jovens e deixou três feridos.

– Foram oito meses convivendo com eles. Todos me receberam de braços abertos. Quando recebi essa notícia fiquei muito chocado pois tinha perdido grandes amigos que fiz no Flamengo. Eram como irmãos. Agora é pedir para Deus que possa confortar os familiares das vítimas – declarou.

Em uma rede social, Tallisom também compartilhou vídeo em que canta o hino do Rubro-Negro no alojamento junto com os ex-companheiros (veja abaixo).

Jogador da base do Flamengo posta vídeo com jovens cantando hino do clube

Jogador da base do Flamengo posta vídeo com jovens cantando hino do clube

Pelo Flamengo, Tallisom disputou torneios e amistosos pelas categorias sub-15 e sub-16, como a Copa Nike, sendo campeão ao lado de Christian Esmério, Samuel Thomas e Jorge Eduardo Santos, três das vítimas da tragédia desta sexta-feira.

Tallisom Cauã integrou elenco do Flamengo durante a Copa Nike de 2018 e conhecia todas as vítimas de tragédia — Foto: Reprodução

Tallisom Cauã integrou elenco do Flamengo durante a Copa Nike de 2018 e conhecia todas as vítimas de tragédia — Foto: Reprodução

Natural de Pendências, a 203 km de Natal, o atacante retornou para o Rio Grande do Norte em dezembro e, em janeiro deste ano, passou a treinar com o elenco profissional do Santa Cruz para manter a forma.

Tallisom Cauã é ligado ao Santa Cruz de Natal e treina com profissionais para manter a forma — Foto: Diego Simonetti/Santa Cruz

Tallisom Cauã é ligado ao Santa Cruz de Natal e treina com profissionais para manter a forma — Foto: Diego Simonetti/Santa Cruz

Fonte: G1RN

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Sign up
Lost your password? Please enter your username or email address. You will receive a link to create a new password via email.
We do not share your personal details with anyone.
0