BOAS NOTÍCIAS: ALUNOS DO SESI DE GOIÂNIA GANHAM 1º LUGAR EM TORNEIO DE ROBÓTICA NA NASA

No nosso BOAS NOTÍCIAS desta quarta-feira estudantes de Goiânia conquistaram o 1º lugar em torneio de robótica na Universidade da Nasa, que fica em West Virginia, nos Estados Unidos pela invenção de um chiclete de pimenta. Veja a reportagem completa a seguir e saiba como foi!

Estudantes do SESI criam chiclete de pimenta e vencem torneio da Nasa

Chiclete de pimenta dos alunos do Sesi - Foto: reprodução / Tv Anhanguera

Chiclete de pimenta dos alunos do Sesi – Foto: reprodução / Tv Anhanguera

Estudantes de Goiânia conquistaram o 1º lugar em um torneio de robótica na Universidade da Nasa, em West Virginia, nos Estados Unidos com um chiclete de pimenta que inventaram.

Os alunos de 15 e 17 anos de Goiás superaram 70 equipes de 12 países que estavam concorrendo ao Champion’s Award, o maior prêmio da competição.

Segundo os alunos, a falta de sensibilidade no nariz dos astronautas é ocasionada pela falta de gravidade no espaço, o que faz com que o sangue do corpo se concentre na cabeça e no peito, afeta a sensibilidade do nariz e faz com que os astronautas parem de sentir cheiros e sabores. E o chiclete de pimenta ajuda astronautas a sentirem o sabor dos alimentos.

Os vencedores estudam são sete estudantes do Serviço Social da Indústria (SESI) Vila Canaã, em Goiânia.

A pesquisa deles levou sete meses para ser desenvolvida.

Em março, eles apresentaram o “chiclete” na edição nacional do Torneio de Robótica, no Rio de Janeiro, e foram selecionados para a etapa internacional.

“A gente fica sem acreditar, porque uma competição desse nível, com tantas equipes muito boas, todas se esforçando… A gente chegar aqui com todo esse diferencial de entusiasmo, seriedade e foco, para nós foi maravilhoso. Só temos que agradecer”, disse o professor Flamarion Gonçalves Moreira, técnico da equipe vencedora.

Alunos vencedores na Nasa, nos Estados Unidos - Foto: Sesi/Divulgação

Alunos vencedores na Nasa, nos Estados Unidos – Foto: Sesi/Divulgação

Com informações do G1

Deixe uma resposta

Fechar Menu