AUTOCONHECIMENTO 2: HUMILDE-SE

Na sessão AUTOCONHECIMENTO desta quinta-feira vamos fazer uma reflexão profunda sobre a diferença de se humilhar e de humildar. Leia o artigo e conheça meu novo armário.
José Hermógenes de Andrade Filho, mais conhecido como professor Hermógenes, foi um militar, escritor, professor brasileiro, divulgador do hatha Yoga. Quem ousou mergulhar um pouco no mundo do Yoga, certamente já ouviu frases célebres ou ensinamentos do professor brasileiro!
Compartilho com vocês um termo criado por ele que nos convida abrir mão de nossas armaduras e a deixarmos o nosso ego em segundo plano. Reflexão leve e inteligente.
Boa leitura!
“Caro amigo, não vejo saída para o seu caso (para o meu, para o caso de todos), senão uma eficiente humildação. Veja bem: não digo humilhação. Desta, Deus nos defenda.
Humildação é o processo no qual voluntária e conscientemente rendemos nosso ego inferior (Asmita) às mãos cósmicas do Ser, do EU SOU.
Humilhação é o destronamento do Ego, mas imposto por pessoas ou circunstâncias estranhas.
Humildação é o sacrificar do ego por decisão inteligente e santa. Nosso drama dura tanto quanto dura aquilo que o causa – a ignorância, que cria e nutre o ego. 
Enquanto dizemos – eu sou Pedro – impedimos o Ser, que somos, de assumir o Reino Interno.
Pela meditação, pela oração, mantras, vigilância, renúncia, caridade verdadeira, amor, devoção, introspeção  na pergunta“quem sou eu”?, e pela auto-entrega, começamos a adelgaçar os grossos paredões da fortaleza com a qual temos defendido o ego.
É assim que vamos entendendo de que já não somos vítimas de tensões, ansiedades, angústias, pré-ocupações, ressentimentos, já não somos movidos por apaixonados apenas e desvairados rancores.
É desta maneira que, pela humildação, conseguimos superar uma tortura ambivalência efetiva.
QUE TAL TENTAR?
  • Experimente reduzir suas aflitas pretensões de ser mais feliz.
  • Reduza seu medo de não ser feliz.
  • Reduza seu projeto pessoal de ganhos, vitórias, afirmações…
  • Não espere demais da sua noiva, nem de nenhum ser humano, inclusive de você.
  • Não continue tão reivindicante, seja para gozar, seja para o não sofrer.
Assim é que voce abrirá uma brecha na caixa de ressonância ou desativará o amplificador de suas emoções – seu ego.
Que tenhamos cada vez mais essa capacidade de nos humildar!
Amor, luz e consciência. Sempre.
Cíntia Rizzo
Fonte:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Sign up
Lost your password? Please enter your username or email address. You will receive a link to create a new password via email.
We do not share your personal details with anyone.
0