ÚLTIMAS NOTÍCIAS DESSA TERÇA-FEIRA

DELAÇÃO DA ODEBRECHT SOBRE INSTITUTO LULA TAMBÉM VAI SAIR DE MORO


A decisão aplicada no caso da reforma do sítio de Atibaia foi estendida pela Segunda Turma à ação penal que apura a compra de um terreno para o Instituto Lula com dinheiro de propina.

O caso está bem adiantado e poderia ser julgado por Sérgio Moro ainda neste semestre.

Como dissemos antes, a ação penal permanece em Curitiba – mas os termos da delação da Odebrecht serão encaminhados para a Justiça Federal em São Paulo.

Fonte: O ANTAGONISTA

 

Em Argumento Furado STF Pode Incendiar O Brasil Em Relação Ao Caso Lula

A mais alta instância do Poder Judiciário do Brasil, o Supremo Tribunal Federal (STF) , pode estar em maus-lençóis, a partir de uma decisão que pode vir a ser tomada pela segunda Turma da Suprema Corte, em meados do próximo mês de maio. Vale ressaltar que a Suprema Corte do país, geralmente, acaba sendo muito mal vista por parte majoritária da população brasileira e da sociedade civil organizada do país.

O  STF é visto por muitos como uma Corte que não atende às reais expectativas da população, devido à lentidão para análise de processos que tratam de inquéritos relacionados a criminosos condenados e que detêm foro privilegiado no âmbito das investigações da força-tarefa da maior operação anticorrupção em toda a história contemporânea do Brasil e uma das maiores operações já desencadeadas em todo o mundo, a Operação Lava Jato, da Polícia Federal.

Vale lembrar que a #Lava Jato é julgada em primeira instância no Paraná pelo juiz Sérgio Moro, a partir da 13ª Vara Criminal da Justiça Federal de Curitiba.

Caso Lula de volta a julgamento no Supremo
Num gesto visto com preocupação em se tratando da situação do ex-presidente da República Luiz Inácio #Lula da Silva (PT), que cumpre prisão em regime fechado na Superintendência da Polícia Federal, em Curitiba, sede da Lava Jato no estado, o ministro relator de todos os casos relacionados à Lava Jato no Supremo Tribunal Federal (STF), Luiz Edson Fachin, encaminhou para análise da segunda Turma da Corte o recurso judicial impetrado pela defesa do ex-mandatário petista.

É em relação à decretação de prisão do petista determinada pelo juiz federal Sérgio Moro. O ministro Luiz Edson Fachin decidiu remeter à segunda Turma da Corte esse recurso específico, que ainda não possui um prazo específico para ser analisado.

Entretanto, conforme decisão do ministro relator, o recurso judicial será analisado por meio do Plenário virtual da Segunda Turma e não através de uma sessão presencial do Tribunal.

Porém, dependendo da decisão a ser tomada pelos ministros da Segunda Turma do Supremo, uma situação exponencialmente complicada pode ser alcançada e o STF pode incendiar o país, se livrar Lula da cadeia.

Vale lembrar que os ministros da Suprema Corte que fazem parte da segunda Turma do STF, além do ministro relator Luiz Edson Fachin, são: Gilmar Mendes, Ricardo Lewandowski, José Antonio Dias Toffoli e Celso de Mello. Excluindo-se Fachin, todos os ministros foram responsáveis por proferir votos favoráveis ao julgamento do habeas corpus preventivo impetrado pela defesa do ex-presidente.

A votação, porém, culminou na derrota de Lula pelo placar apertado de seis votos a cinco, contra a concessão do habeas corpus. O resultado da votação naquela ocasião culminou na prisão de Lula e regime fechado para cumprimento de pena de 12 anos e um mês de cadeia, por crimes de lavagem de dinheiro e corrupção passiva.

Fonte: Notícias Brasil On Line

Gilmar assume: Meu gabinete virou pátio de milagres petistas

Se vocês quiserem encontrar um petista hoje, vão ao meu gabinete

Há poucos dias, o deputado petista Wadih Damous foi flagrado numa conversa onde declarava que o ministro Gilmar Mendes é hoje um ‘aliado’ do PT.

Um absurdo, algo degradante e inadmissível.

No vídeo abaixo, a deprimente revelação do deputado:

Deputado Wadih Damous, do PT: "O Gilmar, hoje, é nosso aliado."

Publicado por MBCC – Movimento Brasil Contra a Corrupção em Domingo, 22 de abril de 2018

Diante de tais fatos, esperava-se que o ministro, ao menos em nome da preservação da imagem de imparcialidade que deve primar um magistrado, repelisse o teor do que foi dito pelo mencionado parlamentar.

Nesta terça-feira (24), durante sua participação no evento ‘Paginas Amarelas’, da Revista Veja, surpreendentemente, o ministro Gilmar Mendes confirmou as afirmações de Wadih Damous.

Gilmar afirmou que seu gabinete no Supremo virou um “pátio dos milagres dos petistas”.

“Se vocês quiserem encontrar um petista hoje, vão ao meu gabinete. O pessoal tem brincado que ali é o pátio dos milagres dos petistas atualmente”, disse o ministro.

Um absurdo!

Fonte: Jornal da Cidade On Line

TERÇA, 24/04/2018, 16:01Política

PF encontra R$ 200 mil em espécie na casa do senador Ciro Nogueira, alvo da Lava-jato

O dinheiro estava em dois cofres que seriam do parlamentar e da mulher dele. Nova etapa da operação mirou também o deputado federal Eduardo da Fonte. Os dois são do Partido Progressista – Nogueira é, aliás, o presidente da legenda.

Presidente nacional do PP, Ciro Nogueira. Foto: Foto: Beto Barata/Agência Senado

Fonte: CBN

Deixe uma resposta

Fechar Menu