PRIMEIRAS NOTÍCIAS DESTA QUARTA-FEIRA

Por G1

 

Três mil assassinatos em 1 mês. Este é o número de homicídios registrados em julho no Brasil, segundo o levantamento mais recente do Monitor da Violência, do G1. No ano, já são 30 mil mortes violentas. Candidatos ao governo dizem como irão reduzir esses crimes em SP e no RJ. A cada 2 anos, o mesmo rumor está de volta, e o #FATO ou #FAKE explica que é mentira que a maioria dos votos nulos suspende o resultado da eleição. No STF, termina hoje o prazo para o ministro Lewandowski marcar o julgamento do recurso contra a condenação do ex-presidente Lula. O que é notícia nesta quarta-feira:

NACIONAIS

Monitor da Violência

Mapa mostra mortes violentas em julho no Brasil — Foto: G1

Mapa mostra mortes violentas em julho no Brasil — Foto: G1

Pelo menos 2.995 pessoas foram assassinadas no mês de julho no Brasil. O número, porém, é ainda maior, já que quatro estados não divulgam os dados. O índice nacional de homicídios, do Monitor da Violência, ferramenta criada pelo G1, permite o acompanhamento dos dados de vítimas de crimes violentos mês a mês no país. Já são 29.980 vítimas registradas nos primeiros sete meses deste ano.

Eleições 2018

Maioria dos votos nulos anula a eleição? #FAKE

 — Foto: Editoria de Arte / G1

 — Foto: Editoria de Arte / G1

— Foto: Editoria de Arte / G1

Uma mensagem que circula na internet pelo menos desde 2010 defende o voto nulo e diz que, se essa opção alcançar maioria, a eleição é anulada e todos os candidatos são impossibilitados de concorrer novamente. Esse rumor ganha força a cada dois anos e está de volta. Mas é #FAKE.

Ex-presidente preso

O ministro Ricardo Lewandowski durante sessão do STF — Foto: Rosinei Coutinho / STF

O ministro Ricardo Lewandowski durante sessão do STF — Foto: Rosinei Coutinho / STF

Termina hoje o prazo para o ministro Ricardo Lewandowski, do STF, liberar para julgamento recurso apresentado pela defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva contra a decisão que o condenou. No plenário virtual, o placar estava 7 a 1 contra Lula, mas Lewandowski pediu vista, e o caso vai agora para o plenário físico.

Curtas e Rápidas:

Mitsubishi Eclipse Cross: primeiras impressões

Mitsubishi Eclipse Cross: primeiras impressões

Futebol

Taça da Copa do Brasil — Foto: Caio Blois/GloboEsporte.com

Taça da Copa do Brasil — Foto: Caio Blois/GloboEsporte.com

  • 21h45: Corinthians x Flamengo
  • 21h45: Cruzeiro x Palmeiras

Os jogos de hoje definem os finalistas do torneio. Corinthians e Flamengo empataram no Maracanã no primeiro jogo. Esta noite, em São Paulo, o vencedor no tempo regulamentar avança enquanto outro empate leva a decisão para os pênaltis. No Mineirão, o Palmeiras entra em campo em desvantagem, pois perdeu para o Cruzeiro na ida. O time mineiro só precisa de um empate para ir à final. O Verdão tem que vencer: por dois gols de diferença ou por um gol para tentar a vaga nas penalidades.

Fonte: G1

Ator André Gonçalves é detido por ameaça e desacato em bar no Rio

André Gonçalves é detido por ameaça e desacato em bar no Rio

 

O ator André Gonçalves foi detido na madrugada desta terça-feira (25) por desacato e ameaça a dois policiais militares, em um bar no bairro do Leblon, no Rio de Janeiro.

De acordo com a polícia, André estava alterado e discutiu com funcionários do estabelecimento por ter se recusado a pagar a conta.

Segundo informações do UOL, em sua versão, o ator afirma que ingeriu bebida alcoólica com amigos e pagou a conta do bar no valor de R$ 200. Ele foi liberado sem precisar pagar fiança.

NOTÍCIAS AO MINUTO

Comments

Empresas de pesquisas têm média elevadas de erros

Nas eleições de 2014 e 2016, os principais institutos de pesquisa erraram, em média, 54% dos prognósticos. Em 2016, o Ibope de 28 de setembro, quatro dias antes da eleição em São Paulo, “com 95% de grau de confiança”, apontou João Dória com 28% e Russomano em 2º com 22%. Contados os votos, Doria teve 53,7% e venceu no 1º turno. Em 2014, os resultados ficaram fora da margem de erro do Datafolha em 17 das 27 das pesquisas, 63%. No Ibope, 45% das 84 pesquisas.

Na pesquisa a quatro dias da eleição de 2016, Haddad (PT) aparecia em 4º lugar. Apurados os votos o petista chegou em 2º com 16,7%.

Em nota, o Ibope explicou que pesquisa é “retrato do momento” etc, e da pesquisa à votação vários fatores “impactam diretamente o eleitor”.

A menos de 10 dias da eleição de 2014, em Pernambuco, o Datafolha cravou empate de Paulo Câmara (PSB) com Armando Monteiro (PTB).

Paulo Câmara foi eleito governador no primeiro turno, com espetaculares 68% dos votos. Armando Monteiro teve 31%.

CLÁUDIO HUMBERTO

Comments

Wesley Safadão assume problema na voz

Wesley Safadão assume problema na voz, mas mantém apresentações
Ag News

 

O cantor Wesley Safadão, 30, usou as redes sociais nesta terça-feira (25) para falar sobre um problema de voz que está tendo. Rouco, ele explicou que está sendo acompanhado por médicos, mas garantiu que manterá sua agenda de shows.

“Tem alguns dias, quase meses que estou meio sem voz”, afirmou ele logo após passar por uma laringoscopia, exame para detectar possíveis problemas na laringe.

“Vamos continuar com o acompanhamento do fonoaudiólogo e seguir com a agenda de show normalmente. Continuar o tratamento, melhorando cada dia mais”, disse. “Talvez as pessoas não notem, mas a voz falada está estranha. A voz cantada dava para disfarçar um pouco, mas tem hora que está melhor, tem hora que está ruim. Você acaba forçando mais, acaba ficando preocupado”, continuou o cantor em sua conta no Instagram.

Apesar do problema, Safadão fez shows programados para o último final de semana, mas se desculpou por não ter atendido a imprensa. Nos próximos dias, ele volta a subir ao palco.

Nesta quarta (26), estará em Igarapé do Meio (MA), depois serão as vezes de Araruama (RJ), São Carlos (SP), Santa Teresa (ES) e Barcarena (PA).

Com informações da Folhapress e Notícias ao Minuto

Comments

PT quer apoio de Garotinho a Haddad no RJ ainda no primeiro turno

No período de pré-campanha, o ex-governador do Rio e candidato ao estado pelo PRP, Anthony Garotinho, e o PT se aproximaram em conversas visando uma possível aliança. O namoro não vingou oficialmente, mas as negociações de apoio retornam agora numa tentativa de Fernando Haddad abrir um palanque no Rio ainda nesta reta final do primeiro turno. O presidente estadual do PT, Washington Quaquá, confirmou ontem ao GLOBO que o partido quer o apoio de Garotinho a Haddad.

— Eu liguei ontem (segunda) para o Garotinho. Ele me disse que vai votar no Haddad, mas que não declararia apoio agora, porque precisaria discutir melhor. Temos dialogado, mas quem fecha as alianças nacionais é a coordenação nacional. Agora é hora de unir o Brasil numa frente democrática. É um nível de apoio que a coordenação nacional teria de vir ao Rio — disse Quaquá, que também tem interesse no apoio de Eduardo Paes, candidato a governador pelo DEM.

Os petistas desejavam o apoio do ex-governador do Rio a Lula, que foi impedido de disputar a Presidência por ser enquadrado na Lei da Ficha Limpa. Com a confirmação do lançamento da candidatura de Marcia Tiburi ao estado, a coligação desandou. Ainda assim, assessores próximos a Garotinho confirmam que ele continua com um bom trânsito com o PT. Um dos fatores de ligação entre as partes é o perfil do eleitorado angariado por eles, de renda mais baixas, principalmente.

Garotinho tem estado próximo de petistas e chegou a receber uma mensagem de apoio do senador Lindbergh Farias (PT) após sua condenação em 2ª instância por formação de quadrilha armada. Além disso, sua filha, a deputada federal Clarissa (PROS), candidata à reeleição, recebeu doação da direção nacional do PT, como parte do acordo nacional entre os partidos.

Procurado, o ex-governador afirmou que no primeiro turno seu compromisso é com o PRB, e que neste momento da eleição as conversas com com o PT e a coordenação da campanha de Haddad não vão avançar. Em nota, Garotinho disse que “o PT teve tudo para me apoiar, mas preferiu lançar candidatura própria. Respeito a decisão”. Sobre a aproximação de Lindbergh, o ex-governador descarta apoio à reeleição do petista.

Já Paes informou, após o aceno de Quaquá, que “não há hipótese” de apoiar qualquer candidatura no Rio. Segundo o ex-prefeito, neste momento “não há nenhuma tratativa nem conversa nesse sentido. Até porque o Hadad não faz parte da minha aliança e não tenho tido qualquer conversa com o PT. Manterei minha neutralidade”.

Procurado, Lindbergh não quis comentar a aproximação com o PRP.

A relação entre Garotinho e PT nunca foi pacífica. Ele foi eleito governador (1998) tendo a petista Benedita da Silva como vice. Mas ao longo do governo, os dois romperam. Em 1999 Garotinho classificou o PT, que ainda estava em sua base, como “partido da boquinha”, numa referência à negociação de cargos pleiteada pela legenda. Benedita assumiu o estado após Garotinho deixar o cargo para concorrer à Presidência. Na eleição seguinte ela foi derrotada por Rosinha, mulher de Garotinho.

O GLOBO

Comments

Temer diz que pode suspender a intervenção no Rio para votar reforma da Previdência

O presidente Michel Temer afirmou nesta terça-feira, 25, que pode suspender a intervenção militar no Rio de Janeiro para votar a Reforma da Previdência. Ele voltou a dizer que a reforma está pronta para ser votada no Congresso e que buscará o apoio do novo presidente eleito para que a apreciação ocorra em novembro deste ano. Temer falou em entrevista exclusiva à NBR, emissora pública do governo, durante a Assembleia Geral das Nações Unidas, em Nova York. “É importante que o governo se articule com o novo presidente”, disse.

A suspensão da intervenção é necessária já que a reforma previdenciária em tramitação no Congresso é uma Proposta de Emenda Constitucional (PEC), que só pode ser analisada sem que haja algum ente da federação sob administração direta da União.

Na segunda-feira, 24, em encontro com empresários americanos e brasileiros em Nova York, Temer disse que irá trabalhar para emplacar a reforma da Previdência.”Procurarei o presidente eleito. E tenho certeza que, ao procurá-lo, ele atentará para o fato de que a medida é indispensável. Não é essencial para um governo, é essencial para o Brasil”, afirmou Temer, apostando superar o que chamou de “dificuldade de natureza eleitoral” para aprovar a reforma nos dois meses finais de seu mandato.

ESTADÃO CONTEÚDO

Comments

Ciro passa por cauterização na próstata, mas deve participar de debate

O presidenciável do PDT nas eleições 2018, Ciro Gomes, foi atendido nesta terça-feira, 25, no Hospital Sírio-Libanês, em São Paulo, de acordo com a instituição

Após exames, foi constatado que Ciro tinha um coágulo na próstata. Ele passou por um procedimento de cauterização de vasos da glândula. O procedimento foi realizado pelo médico urologista Miguel Srougi.

Ainda de acordo com a assessoria do pedetista, ele deve receber alta na manhã desta quarta-feira, 26, e participar do debate do SBT, da Folha de S.Paulo e do UOL no fim da tarde.

Ciro fez agenda pública nesta terça-feira em Duque de Caxias, na Baixada Fluminense, Rio de Janeiro.

ESTADÃO CONTEÚDO

Comments

Presidente do PT diz que não veria problema nenhum na concessão de um indulto a Lula caso o PT retorne ao Planalto

Gleisi Hoffmann recolocou no baralho da sucessão a carta do indulto, que Fernando Haddad havia descartado. Presidente do PT, ela disse ao UOL que “não veria problema nenhum” na concessão de um indulto a Lula caso o PT retorne ao Planalto. Considera a providência “absolutamente normal”, pois “Lula é inocente” e sua prisão “é uma sacanagem”.

Indulto, como se sabe, é perdão. Até Gleisi, uma advogada bissexta, sabe que não há maior “sacanagem” para um inocente do que a concessão de clemência para os crimes que ele diz não ter cometido. Assim, para que a coisa fizesse nexo, a comutação da pena de Lula teria de ser precedida de um reconhecimento da culpa do pajé do PT. O presidiário teria de abdicar dos recursos que ajuizou contra a condenação a 12 anos e um mês de cadeia.

De resto, o hipotético presidente da República petista precisaria guerrear no Supremo para salvar um decreto de indulto editado por Michel Temer no Natal de 2017. Em decisão liminar, sujeita à apreciação do plenário da Suprema Corte, o ministro Luís Roberto Barroso sustentou que o indulto natalino de Temer deu “um passe livre para corruptos em geral.” Determinou que condenados por corrupção não recebam o perdão presidencial. Lula foi condenado em segunda instância por corrupção e lavagem de dinheiro. Está na bica de adicionar ao prontuário pelo menos mais duas condenações criminais.

JOSIAS DE SOUZA

Comments

STF também adia decisão sobre Aécio e petistas

Pedidos de vista de Ricardo Lewandowski adiaram outras duas decisões da Segunda Turma do STF hoje, sobre Aécio Neves e os irmãos petistas Tião e Jorge Viana, informa O Globo.

Já houve decisões de Gilmar Mendes arquivando os inquéritos contra o senador tucano e os irmãos Viana, mas a PGR recorreu delas.

Aécio é investigado no âmbito da delação premiada de Delcídio do Amaral, que o acusou de receber propina referente aos contratos de furnas. Jorge e Tião foram acusados de caixa dois por delatores da Odebrecht.

O Antagonista

Comments

Cabo Daciolo irá à Justiça para estar em debate da Globo

A campanha de Cabo Daciolo entrará com ação na Justiça para tentar garantir a participação dele no debate presidencial da Globo, em 4 de outubro –o último antes do primeiro turno.

A equipe do candidato do Patriota, informa a Folha, disse ter sido surpreendida com a informação de que, conforme as regras estabelecidas pelo TSE, ele não está apto a participar do encontro.

Pela planilha da corte eleitoral, o partido de Daciolo tem quatro parlamentares –devido a uma resolução, o tribunal desconta um que migrou para o Patriota na janela partidária.

O Antagonista

Fonte: Blog do BG

Deixe uma resposta

Fechar Menu