PONTO DE VISTA: O PT PRIVATIZOU A PETROBRAS, ACABOU COM SUA APOSENTADORIA E QUEBROU O BOLSA FAMÍLIA

PONTO DE VISTA

Caro(a) leitor(a),

Eu sempre procurei ser realista. Nunca me enganei com os números sobre a economia que os diversos governos divulgavam e continuam a divulgar. A maioria desses números, de alguma forma é distorcida para iludir os órgãos internacionais e, por tabela, o povo brasileiro. No Brasil tudo é mascarado (ou era). Veja o exemplo das olimpíadas e da Copa do Mundo de Futebol. O Brasil não tinha a menor condição econômico/financeira de sediar esses eventos. Alguns anos depois estamos percebendo o verdadeiro legado deixado. Um país quebrado, no fundo do poço com 40 milhões de desempregado. Isso mesmo. Agora também já é do conhecimento de todos que além dos 13 milhões oficialmente desempregados, temos mais 30 milhões de brasileiros na economia informal, vivendo de bico e esse contingente de pessoas na minha humilde concepção também se rotula de “desempregados”. Quando vamos para a educação a farsa é a mesma. Os governos do PT se gabavam de terem criado centenas de escolas técnicas, faculdades e universidades, mas na verdade o que temos no final é mais um contingente de milhões de formação pouco qualificada com canudo de curso superior se juntando àquele outro contingente de desempregados por falta de competência. Simples assim.

Agora vem o renomado consultor de VEJA Stephen Kanitz e escancara tudo isso ai! Será que esse poço tem fundo?

O PT Privatizou A Petrobras, Acabou Com Sua Aposentadoria, Quebrou O Bolsa Família.

Depois de 4 mandatos presidenciais, o PT entregará ao Bolsonaro 6,9 trilhões de dívidas da União, com somente 1,2 trilhões de ativos financeiros para pagá-los.

Vide Balanço Geral da União abaixo.

Faltam 5,7 trilhões para saldar tudo o que é devido.

Ou seja, a Petrobras que está incluída aí em Ativos Permanentes pertence hoje aos credores e não mais à União.

O PT a privatizou de fato, falta somente formalizar a falência da União, e distribuir a massa falida.

Mesmo privatizando tudo o que for possível, vendendo todos os prédios do Ativo Permanente, ainda faltarão 2,5 trilhões que jamais serão pagos.

Sua aposentadoria, por exemplo, seu título público, seu fundo de pensão ou sua bolsa família.

Quebraram o Brasil.

Acho incrível que nem Meirelles nem Amoêdo apresentaram essa verdade, porque eles eram os dois candidatos mais capacitados para lidar com essa situação.

Como banqueiros, seriam os mais capacitados para negociarem dívidas impagáveis.

Todos os demais candidatos populistas, como Alckmin, Boulos e Ciro, prometeram mais e mais coisas, e mais e mais  gastos.

Se mostraram totalmente ignorantes dessa nossa realidade, como a maioria dos jornalistas e economistas desse país.

Bolsonaro herda um abacaxi e tanto, e precisará de todo apoio daqueles que entendem de contabilidade e analisam todo ano o Balanço Geral da União para espalharem a real situação das finanças do Governo.

O PT faliu o Estado e o PSDB contribuiu.

Se o Patrimônio estivesse somente em queda diríamos que a União estava numa situação pré falimentar.

Com Patrimônio negativo, a União faliu, sem possibilidade de recuperação.

Ela só se sustenta porque investidores idiotas continuam comprando os títulos públicos emitidos para cobrir o deficit.

Por que o PT gastou 5,7 trilhões que nunca  teriam gasto se adotassem a Administração Responsável das Nações?

Eu sempre alerto aqui, o problema maior é a incompetência de nossos economistas, que é muito maior, mas muito maior  do que a corrupção dos nossos políticos.

Mas todos escondem essa triste realidade.

Somente vocês, meus seguidores, ficam sabendo.

Stephen Kanitz

Deixe uma resposta

Fechar Menu