POESIA: JESSIER QUIRINO EM, “O MATUTO NO CINEMA”

Na sessão POESI desta terça-feira temos um causo do grande poeta e repentista Jessier Quirino: O Matuto no Cinema. Assista e se divirta a valer.

Fonte: 

Publicado em 23 de fev de 2011

Deixe uma resposta

Fechar Menu