JUSTIÇA: OS TRÊS PATETAS FAZEM CHICANA COM ENTREVISTA DE LULA COM OBJETIVO MAIOR, PERIGO NO AR.

TEXTO

“Favreto” do STF e os três patetas tentam perigosíssima investida

Os três patetas estão novamente em ação.

O grupo maligno formado pelos deputados federais Wadih Damous, Paulo Teixeira e Paulo Pimenta, que recentemente deflagrou o malfadado e fracassado “Golpe do Plantonista”, fez uma nova operação com objetivo de beneficiar o presidiário Luiz Inácio Lula da Silva.

O parceiro da vez é o ilustre ministro Ricardo Lewandowski, que acaba de ser desmoralizado por Luiz Fux, mas que parece não se importar muito com esse tipo de coisa.

O importante é ‘vencer o jogo’. Para tanto, vale tudo.

O trio impetrou uma reclamação com relação a entrevista do meliante petista. O ministro deu novo despacho, autorizando a entrevista, mas, prudentemente, aduziu que a última palavra seria do presidente do STF.

Toffoli novamente negou.

Entretanto, a trama malévola consiste no que o jornal Folha de S.Paulo acaba de revelar:

A reclamação do trio pateta deve ser tida como o primeiro incidente na execução da pena de Lula. Assim, Lewandowski se torna prevento para analisar todos os pedidos relacionados a este processo.

Noutras palavras, tudo o que for distribuído em relação ao processo de execução da pena de Lula deve doravante ser submetido a apreciação de Lewandowski.Percebem o perigo?

Afinal, o ministro de São Bernardo do Campo é o mesmo que rasgou a Constituição e salvou Dilma.

Para Lewandowski lei é figura decorativa.

Amanda Acosta

Articulista e repórter
amanda@jornaldacidadeonline.com.br

Fonte: Jornal da Cidade On Line

Deixe uma resposta

Fechar Menu