INTERVENÇÃO: O GENERAL AUGUSTO HELENO TRANQUILIZA A POPULAÇÃO EM ENTREVISTA À FOLHA DE SÃO PAULO

O General Augusto Heleno dá recado tranquilizador à população e diz que haverá eleições em outubro.

Clamor Por Intervenção Militar É Semelhante Ao De 1964, Diz General Augusto Heleno

General Heleno, Ex-Comandante No Haiti, Porém, Afirma Que Forças Armadas Repudiam A Ideia

O general da reserva Augusto Heleno, 70, que foi o primeiro comandante das tropas da ONU no Haiti, diz ver semelhanças entre os atuais pedidos de intervenção militar  e o período anterior ao golpe de 1964.

O militar, que já declarou apoio ao pré-candidato Jair Bolsonaro (PFL), contudo, afirma que as Forças Armadas estão “vacinadas” e não pretendem tomar o poder.

” É lógico que as Forças Armadas se sentem ‘lisonjeadas’ pela credibilidade que essas faixas demonstram, mas têm plena consciência de que esse não é o caminho. O caminho são as eleições que vão acontecer”, disse o general, em entrevista à Folha.

Fonte: Notícias Brasil On Line

Deixe uma resposta

Fechar Menu