Sem Lula, disputa por vaga no segundo turno se acirra

O que fica patente após essa pesquisa, com a manutenção das intenções de voto para um CONDENADO, é a ignorância  de boa fatia do povo brasileiro, mesmo depois do evento das mídias sociais de forma massiva, o que mostra que essas pessoas só estão usando a as redes sociais para namorar e/ou falar bobagens e não estão nem ai para o que está acontecendo ao seu redor. Pura alienação. Lamentável.

Em uma possível corrida presidencial sem Luiz Inácio Lula da Silva (PT), quatro candidatos disputariam uma vaga no segundo turno contra Jair Bolsonaro (PSC), de acordo com a primeira pesquisa do Datafolha após a condenação do petista em segunda instância.

Levantamento realizado na segunda (29) e na terça (30) mostra que o ex-presidente manteve vantagem sobre os rivais, com até 37% das intenções de voto. Seu eleitorado, porém, se pulveriza e a briga tende a se tornar acirrada caso ele seja barrado com base na Lei da Ficha Limpa.

Bolsonaro aparece em primeiro lugar no principal cenário sem Lula, com 18%. Ele supera Marina Silva (Rede), Ciro Gomes (PDT), Geraldo Alckmin(PSDB) e Luciano Huck (sem partido).

Marina lidera o segundo pelotão, com 13%. Ciro (10%), Alckmin (8%) e Huck (8%) estão tecnicamente empatados.

(mais…)

Continuar lendo

“Moro desbanca presidentes norte-americanos em cerimônia nos EUA

Notícias como essa merecem ser divulgadas. A nossa maior reserva moral passou por cima, claro, modo de dizer, de autoridades como presidentes e primeiro-ministros  das maiores nações do mundo, Secretário Geral da ONU e outras personalidades de maior envergadura mundial e foi escolhido para ser orador da formatura da Universidade de Notre Dame, em South Bend, Indiana, Estados Unidos. Esse merece todo o nosso respeito, carinho, orgulho e aplausos. Parabéns Juiz Sergio Moro. 

O juiz federal Sérgio Moro, responsável pelos processos de primeira instância da Operação Lava Jato, que investiga crimes de corrupção na Petrobras, será o orador cerimonial da 173ª turma de formatura da Universidade de Notre Dame, em South Bend, Indiana, Estados Unidos. A informação foi divulgada pela própria universidade. A cerimônia será no dia 20 de maio de 2018, no Estádio Notre Dame.

(mais…)

Continuar lendo

Ministro do STJ nega habeas corpus de Lula contra prisão

A defesa de Lula em desespero recorreu ao STJ com requerimento de Habeas Corpus preventivo para evitar a iminente prisão do pobre condenado e quebrou a cara novamente. O cerco está fechando e “a viva alma mais honesta do Brasil” está em estado de inanição.

Defesa do petista queria revisão do entendimento do TRF4 de que ele seja preso para cumprimento de pena após julgamento de recurso no tribunal

O ministro Humberto Martins, vice-presidente do Superior Tribunal de Justiça (STJ), negou na noite desta terça-feira o habeas corpus preventivo da defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva contra a possibilidade de que ele seja preso após o julgamento de recursos contra sua condenação no Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF4). A prisão de Lula depois dos recursos foi definida pelo próprio TRF4 na última quarta-feira, na sessão em que a 8ª Turma do tribunal sentenciou Lula a 12 anos e um mês de prisão.

“Parece-me, ao menos, por ora, que não há configuração de ato consubstanciador de constrangimento à sua liberdade de locomoção”, afirma Martins na decisão, tomada cerca de sete horas depois de o recurso ser protocolado no STJ.

(mais…)

Continuar lendo

Ministra Carmem Lúcia afirma que não entrará em pauta no seu mandato

Esperemos que o que a Ministra Carmem Lúcia está afirmando seja cumprido, em nome do bem estar e do futuro dessa nação, pois se acontecer o contrário ficará patente o concluio do STF com o crime organizado.


A presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministra Cármen Lúcia, disse em jantar com jornalistas e empresários, ao qual a GloboNews foi convidada, que seria “apequenar” o tribunal utilizar o caso do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva para reabrir a discussão sobre a execução de sentença após condenação em segunda instância.

“Não sei por que um caso específico [do ex-presidente petista] geraria uma pauta diferente. Seria apequenar muito o Supremo. Não conversei sobre isso com ninguém”, afirmou a presidente do tribunal durante evento organizado pelo jornalista Fernando Rodrigues, do site Poder360.

(mais…)

Continuar lendo
Fechar Menu